Não Conseguiu Entregar o IRS 2021 Dentro do Prazo? Fique a Saber Quais as Coimas.

A prazo para as entregas da declaração de IRS 2021 arrancou no dia 1 de abril e terminou no dia 30 de junho. Se não conseguiu fazer a entrega dentro do prazo estipulado, fique a saber o valor das coimas a que pode estar sujeito.

Valor das coimas

O valor das coimas pode ser influenciado por diversos aspetos, como por exemplo, o prazo decorrido até à regularização, a gravidade do erro e a situação económica do contribuinte.

Caso proceda com a entrega da declaração de IRS dentro dos primeiros 30 dias após o final do prazo, a coima mínima a aplicar será de 25€.

Se entregar a declaração pelo menos 30 dias após o final do prazo terá de pagar uma coima mínima de 37,5€ que pode chegar até aos 112,5 caso já se tiver desencadeado uma ação de inspeçao por parte do Fisco no momento da regularização.

No entanto, tenha em atençao que estes valores podem ser muito superiores caso o Fisco detecte erros ou omissões na declaração. Nessas circunstâncias a coima pode ir desde os 375€ e os 22.500, conforme estipulado no Artigo 119.º do RGIT.

Entregue o IRS 2021 o quanto antes!

Como pode ver, quanto mais adiar a entrega do IRS 2021, maior poderá ser a coima a pagar, portanto, o melhor é mesmo entregar a declaração o mais rapidamente possível!

Caso pretenda obter mais informações, por favor contacte-nos.