Mudanças no crédito habitação em 2022

Saiba o que mudou a partir do dia 1 de abril de 2022 e como isso vai impactar os novos créditos-habitação.

O Banco de Portugal (BdP), emitiu no dia 31 de Janeiro de 2022 um comunicado sobre a convergência da maturidade média dos novos contratos de crédito à habitação para 30 anos. Através destas mudanças é pretendido que “as instituições não assumam riscos excessivos na concessão de crédito, de forma a reforçar a resiliência financeiro a potenciais choques adversos, e promover o acesso financiamento sustentável por parte dos consumidores, minimizando o risco de incumprimento.”.

O que mudou

Com a revisão das recomendações de 2018 sobre a maturidade dos novos créditos, fixaram-se novos tetos consoante a idade dos mutuários.

Novos limites

  • Consumidores até 30 anos de idade – Limite de 40 anos
  • Consumidores entre 30 e 35 anos – Limite máximo de 37 anos
  • Consumidores acima dos 35 anos – Limite máximo de 35 anos

Novas Implicações

Como consequência desta diminuição de prazos as prestações vão passar a ser mais elevadas.

Lei também: IRS 2022: Saiba se está isento de retenção na fonte